O RETORNO DE VALDECI E A URGÊNCIA DE UMA OPOSIÇÃO CAPACITADA

Brasilândia de Minas encontra-se em um cenário sem oposição, onde de longe se vê ou ouve, quiçá, a voz de alguns que pensam o futuro do Município. Em meio a essa carência de uma nova classe de pensadores, Valdeci regressa aos microfones da FM 87, 9.



 

Ontem (15/03), Valdeci Madureira, regressou aos microfones da rádio Planalto FM, depois de um longo período de recuperação pós-Covid-19 e um cansativo (imagina-se) processo eleitoral. Já que disputou as municipais, vencidas por Oséias Queiroz, e não somou lá muitos votos (120/1,34%). O que já era esperado, pois a candidatura de Valdeci fora muito mais figurativa (no sentido nobre da palavra) do que qualquer outra coisa.


É inquietante esperar de um senhor com mais de seis décadas de existência, que já deu sua contribuição a Brasilândia de Minas, seja em sua independência, seja como parlamentar ou mesmo como comunicador/radialista. E que no período (final de 2020), ainda enfrentou o vírus. Onde estão os que dão a cara para bater?!


Não espera-se nada da juventude paralisada, digo sem nenhuma sombra de pessimismo. Se faz otimista o simples cidadão que joga palavras e mais palavras fora em artigos não lidos ou mal compreendidos. Numa coisa Valdeci tem toda razão:


Parece que Marden (ex-prefeito) tirou férias e Oséias está o substituindo - disse o radialista.

Oséias vem trabalhando bem, de fato. Ainda é pouco, pelo menos um ano para arrumar a casa e deixar as coisas do seu jeito. E tem o bom auxílio do secretário de Administração e Planejamento, Clinton Junior, que, de certa forma, blinda Marden e seus pitacos na gestão-Oséias. Não vamos ser ingênuos, Marden, Oséias, você e eu sabemos que é assim. Agora, eis o tiro no pé: acertadamente, o prefeito investiu em comunicação, muito bem feita por sinal. Só que vamos pensar com mais clareza, em uma disputa entre Oséias e Marden, em 2024, (não venham com blá-blá-blá de "há está muito longe", já tem gente em campanha por aí), será mesmo que a agência da filha do ex-prefeito fará propaganda para o adversário do próprio pai? É um caso a se pensar, meus caros.

Valdeci tocou em outro ponto importante:


Marden acha que fez tudo em Brasilândia (...), mas não fez 10% do que poderia ter feito - questionou novamente o radialista.

Brasilandense tem mania de idolatrar políticos locais, de criar Zizinho's, Marden's da vida e aumentar ainda mais seus feitos. E criar um cenário retrógrado, de extinção da oposição, até mesmo por meio de percepções políticas.


Mas hoje nem a oposição que temos serve. Ela é repulsiva e causa efeito contrário. Observem o grupo, no Facebook, Brasilândia Notícias, por mais que questionem não possuem o aval da população, então o que está errado aí? Talvez a forma de comunicar, a distorção das informações, a agressividade das palavras, a ignorância da população (não sentido que ignora a realidade)? Digo que tem um pouco de tudo nesse balaio.


Ou seja, não esperem a volta de Valdeci, que nem se quer é uma oposição de fato, puxou sardinha para uma decisão indefensável do ex-vice-prefeito, Ramon, e, na mesma ora que diz mal, diz bem. Não esperem essa oposição de Betinho, ou mesmo Elizângela, que sumiu do cenário político. Faça-se a oposição, no sentido de opor-se a mesmice e incentivar o que anda bem com Oséias, dentro de cada cidadão, para que se posicionem de forma crítica e cooperem com o desenvolvimento da Cidade.

Oséias tem dado brechas para isso, tem se mostrado um prefeito acessível e participativo. Mas o que adianta dar ouvidos a uma população que não fala e que o grito dos ignorantes é mais alto do que a voz dos que têm utilidade na palavra. Cadê a classe universitária? Chutem para longe a vaidade e façam ações reais, até quando vamos deixar que o debate político fique apenas nas mãos de senhores e senhoras, juntamo-nos a eles!

 

Notas:

¹ esse artigo não apresenta verdades, apenas opinião do autor.

² esse artigo não tem a intenção de ofender nenhum dos citados, são pessoas públicas e sabem que estão sujeitos a críticas e elogios.

³ o FORO sempre dá o direito de resposta a quem quer que seja.


Fonte:

Brasilândia de Minas/MG - Eleição 2020 definida para prefeito e vereadores (uol.com.br)

Prefeitura de Brasilândia de Minas (brasilandiademinas.mg.gov.br)

Facebook

279 visualizações