O QUE OS JOVENS DE BRASILÂNDIA QUEREM?

Para perguntas difíceis, melhor responder com poesia, se é que poesia responde alguma coisa! Não, não, mas o José responde ou tenta ou deixa pra lá. Poesia é manga madura que cai do pé de caju.
 

O que os jovens de Brasilândia querem?


Não sei.

Sei o que eu queria.

Queria sentir saudades

Saudades.


Brasilândia, meu pé de serra

Princesinha do noroeste

Sol mais quente

Que padece.


Hoje meu desejo

É realidade

Cuidado com o que desejam

Uma década distante.

(Mas desejem algo!!)


O que os jovens de Brasilândia querem?


Sentir saudades da família?

Ir para longe?

Poder ficar?

Não ser tudo sempre igual?


Faculdade que não precisa pagar?

Emprego que paga bem?

Hospital de qualidade?

"Coisas de cidade grande"?


Buteco 24 horas?

Com logneck a 2 conto?

Gente mais "bonita" e

desconhecida?


Bocas diferentes?

Cheiros e coisas de cheirar?

Fumaça e coisas de fumar?

Sol mais frio?


Show dos forró boys

Na Festa da cidade de graça?

Lual no mato?

Trepar gemendo sem emprenhar?


Serem felizes?

Salvarem o pé de serra?

Cantarem suas revoltas e

Sonhos?


Alguém que reconheçam as sua revoltadas e sonhos?

Alguém que invistam nelas e neles?

Alguém?


Meu paraíso pé de serra

Conectada com o mundo.

Tik tok... Tique toque...

A bomba está armada.


As crianças de Brasilândia não querem ser mais crianças.


Nunca mais vi no meu pé de serra

Crianças no pé de manga

Amarelinha riscada no chão

Pipas no céu

Bolinha de gude

Campinho de terra

Carrinho de rolimã

Pique pega e esconde.


Polícia e ladrão... ainda tem.


O que os "veio" de Brasilândia querem?


Sossego?

As crianças no "trabaio"?

Cana boa no buteco?

Lata de óleo barata?

Não acordarem de suas ignorâncias?

"Antigamente que era bão."


Não sei.

Não sei.

O que eu quero é mais tempo.

Tempo.

 

Sobre o autor:


Sou o José Lucas Nunes, Psicólogo graduado pela UFU. Com ênfase nas áreas clínica e social. Após os anos de formação dentro e fora da universidade, início em outra jornada, agora no Consultório atuando como Psicólogo Clínico no atendimento a adolescentes e adultos.


Instagram:

José Lucas Nunes (@psicologo.joselucasnunes) • Fotos e vídeos do Instagram

 

68 visualizações